Sesqui Games

Olá! Seja Muito Bem Vindo ao Sesqui Games.

Caso não seja cadastrado clique em Registrar!

Se já for cadastrado clique em Login.

Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos

» Ranking e Cash
Dom Nov 21, 2010 11:44 am por wanderson

» O valor ganho pelo distribuidor a cada partida
Ter Nov 09, 2010 7:04 pm por Lucas S.

» Novo campeão
Sab Out 30, 2010 8:45 pm por Lucas S.

» [A confirmar] Próximo Torneio
Qua Out 27, 2010 5:22 pm por Lucas S.

» frases de grandes homens
Seg Fev 01, 2010 11:51 am por Awfa

» Prazer *-*
Sab Jan 30, 2010 8:41 am por Lucas S.

» Ola a Todos
Ter Jan 26, 2010 4:15 pm por Lucas S.

» Quando estiver em dificuldade
Ter Jan 26, 2010 4:10 pm por Lucas S.

» Ola a todos. Minha apresentação
Sex Jun 05, 2009 3:25 pm por Lucas S.

Chatbox


Você está procurando novas pessoas, novos amigos?
Acesse o Chatbox e divirta-se!

Palavras chave

Quem está conectado

1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum


[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 41 em Qua Set 02, 2015 6:43 am


    xadrez (chess/ajedrez/échecs/チェス)

    Compartilhe
    avatar
    Obama
    Sou novato, seja simpático ;-)

    Torneios : nenhum
    Masculino
    Leão
    Número de Mensagens : 30
    Idade : 25
    Localização : casa bramca
    País de Origem :
    Data de inscrição : 10/02/2009

    xadrez (chess/ajedrez/échecs/チェス)

    Mensagem por Obama em Dom Maio 24, 2009 9:37 pm

    Xadrez


    esse topico é dedicado a todas as pessoas que se interesam por esse jogo milenar jogado em todo o mundo e tem curiosidade em conhecer a sua história e melhorar suas habilidades de dar mate :die:
    avatar
    Obama
    Sou novato, seja simpático ;-)

    Torneios : nenhum
    Masculino
    Leão
    Número de Mensagens : 30
    Idade : 25
    Localização : casa bramca
    País de Origem :
    Data de inscrição : 10/02/2009

    Re: xadrez (chess/ajedrez/échecs/チェス)

    Mensagem por Obama em Dom Maio 24, 2009 9:49 pm

    Xadrez é um jogo de natureza recreativa e competitiva para dois jogadores, sendo também conhecido como Xadrez Ocidental para distingui-lo dos seus predecessores e de outras variantes da atualidade. A forma atual do jogo surgiu no Sudoeste da europa na segunda metade do Século XV, durante o Renascimento, depois de ter evoluído de suas antigas origens persas e indianas. O Xadrez pertence à mesma família do Xiangqi e do Shogi e, segundo os historiadores do enxadrismo (ou xadrezismo), todos eles se originaram do Chaturanga, que se praticava na Índia no Século VI d.c.O xadrez é um dos jogos mais populares do mundo, sendo pratiado por milhões de pessoas em torneios (amadores e profissionais), clubes, escolas, pela Internet, por correspondência e informalmente. Há uma estimativa de cerca de 605 milhões de pessoas em todo o mundo que sabem jogar xadrez e destas, 7,5 milhões são filiadas a uma das federações nacionais que existem em 160 países em todo o mundo.
    Características de arte e ciência são encontradas nas composições enxadrísticas e em sua teoria que abrange aberturas, meio-jogo e finais, as fases em que subdividem o transcorrer do jogo. Na terminologia enxadrística, os jogadores de xadrez são conhecidos como enxadristas (ou xadrezistas ). O xadrez, por ser um jogo de estratégia e tática, não envolve o elemento sorte. A única exceção, nesse caso, é o sorteio das cores no início do jogo, já que as brancas sempre fazem o primeiro movimento e teriam, em tese, uma pequena vantagem por isso.
    A partida de xadrez é disputada em um tabuleiro de casas claras e escuras, sendo que, no início, cada enxadrista controla dezesseis peças com diferentes formatos e características. O objetivo da partida é dar xeque-mate (também chamado de mate) no adversário. Teóricos do enxadrismo desenvolveram uma grande variedade de estratégias e táticas para se atingir este objetivo, muito embora, na prática, ele não seja um fato muito comum, já que os jogadores em grande desvantagem ou iminência de derrota têm a opção de abandonar (desistir) a partida, antes de receberem o mate.
    As competições enxadrísticas oficiais tiveram início ainda no Século XIX, sendo Wilhelm Steinitz considerado o primeiro campeão mundial de xadrez. Existe ainda o campeonato internacional por equipes realizado a cada dois anos, a Olimpíada de Xadrez. Desde o início do Século XX, duas organizações de caráter mundial, a Federação Internacional de Xadrez e a Federação Internacional de Xadrez Postal vêm organizando eventos que congregam os melhores enxadristas do mundo. O atual campeão do mundo (2007) é o indiano Vishy Anad e a campeã mundial é a chinesa Xu Yuhua.
    O enxadrismo foi reconhecido como esporte pelo Comitê Olímpico Internacional em 2001, tendo sua olimpíada específica e campeonatos mundiais em todas as suas categorias.
    O Dia Internacional do Enxadrismo é comemorado todos os anos no dia 19 de novembro, data de nascimento de José Raúl Capablanca, considerado um dos maiores enxadristas de todos os tempos e o único hispano-americano a se sagrar campeão mundial. No Brasil, o I Congresso Brasileiro de Cultura e Xadrez instituiu o dia 17 de agosto como o Dia Nacional do Livro de Xadrez
    avatar
    Obama
    Sou novato, seja simpático ;-)

    Torneios : nenhum
    Masculino
    Leão
    Número de Mensagens : 30
    Idade : 25
    Localização : casa bramca
    País de Origem :
    Data de inscrição : 10/02/2009

    Re: xadrez (chess/ajedrez/échecs/チェス)

    Mensagem por Obama em Dom Maio 24, 2009 9:55 pm

    mito da criaçao

    Existem diversas mitologias associadas à criação do xadrez, sendo uma das mais famosas aquela que a atribui a um jovem brâmane indiano chamado Lahur Sessa. Segundo a lenda, contada em O Homem que Calculava, do escritor e matemático Malba Tahan, numa província indiana chamada Taligana havia um poderoso rajá que havia perdido o filho em batalha. O rajá estava em constante depressão e passou a descuidar-se de si e do reino.

    Certo dia o rajá foi visitado por Sessa, que apresentou ao rajá um tabuleiro com 64 casas brancas e negras com diversas peças que representava a infantaria, a cavalaria, os carros de combate, os condutores de elefantes, o principal vizir e o próprio rajá. Sessa explicou que a prática do jogo daria conforto espiritual ao rajá, que finalmente encontraria a cura para a sua depressão, o que realmente ocorreu.

    O rajá, agradecido, insistiu para que Sessa aceitasse uma recompensa por sua invenção e o brâmane pediu simplesmente um grão de trigo para a primeira casa do tabuleiro, dois para a segunda, quatro para a terceira, oito para a quarta e assim sucessivamente até a última casa. Espantado com a modéstia do pedido, o rajá ordenou que fosse pago imediatamente a quantia em grãos que fora pedida.

    Depois que foram feitos os cálculos, os sábios do rajá ficaram atônitos com o resultado que a quantidade grãos havia atingido, pois, segundo eles, toda a safra do reino durante 2.000 anos não seriam suficientes para cobri-la. Impressionado com a inteligência do brâmane, o rajá o convidou para ser o principal vizir do reino, sendo perdoado por Sessa de sua grande dívida em trigo.

    Diz uma outra lenda que a criação do xadrez deve-se ao grego, que teria inventado o jogo de xadrez como um passatempo para distrair os os príncipes e seus soldados durante o longo período que durou o cerco imposto pelos gregos a cidade-estado de Tróia. Os gregos foram os primeiros a documentar a existência do jogo. O poeta Homero descreve no primeiro livro da Odisséia uma partida de xadrez entre os pretendentes da rainha Penélope, às portas da casa do esposo Ulisses, em Ítaca. Já o dramaturgo Eurípedes, em sua tragédia Ifigênia em Áulis, apresenta dois personagens, Ajax e Protesilau, disputando uma partida de xadrez.

    Já uma terceira lenda atribui a invenção do jogo ao deus Marte(Mitologia Romana) ou Ares(Mitologia Grega) que foi inspirado pela dríade Caissa. Trata-se de uma lenda contemporânea, tendo sido criada em 1763 por Sir William Jones, um famoso orientalista britânico, que publicou durante a juventude, quando ainda estudava na Universidade de Oxford, um longo poema intitulado Caíssa sobre uma encantadora ninfa dos carvalhos que habitava nos bosques da antiga Trácia. Caíssa e sua associação à criação do jogo de xadrez adquiriu enorme popularidade nos países anglófonos após as citações de Petter Pratt em seu livro Studies of Chess (Londres, 1803) e George Walker em Chess and Chessplayers (Londres, 1950). Posteriormente, na França, a musa foi citada por La Bourdonnais, Mery, Saint Aimant, dentros outros, em artigos escritos na La Palamède, a primeira revista do mundo dedicada ao xadrez. Desta forma, o jogo de xadrez também veio a ser conhecido poeticamente como a Arte de Caíssa.

    Conteúdo patrocinado

    Re: xadrez (chess/ajedrez/échecs/チェス)

    Mensagem por Conteúdo patrocinado

      Tópicos similares

      -

      Data/hora atual: Qua Nov 14, 2018 4:29 pm